Problema com a visualização da mensagem? Clique aqui.
Edição n. 46 - 08 de junho de 2018
 

Vozes dos territórios pautam Carta Política do IV Encontro Nacional de Agroecologia

A Carta Política do IV ENA, formulada a partir da reflexão de 2 mil pessoas participantes do evento, apresenta denúncias contra a violência do agronegócio e de projetos do grande capital, que exploram a natureza e promovem violações de direitos. O documento evidencia as lutas e as conquistas dos povos que constroem a agroecologia, dos movimentos social e sindical, organizações, redes e articulações da sociedade civil. Experiências territoriais,  de todos os biomas do país, apresentam soluções concretas frente a problemas ambientais, econômicos e sociais, dando sentido político ao lema do encontro: “Agroecologia e Democracia, Unindo Campo e Cidade”.

> SAIBA MAIS

'Somos como as águas. Juntas, temos mais força'

Plenária no IV ENA evidenciou papel central das mulheres na história do movimento agroecológico

> SAIBA MAIS

 

“Temos que nos levantar como país contra a fome”

Maria Emília Pacheco, da FASE, analisa o impacto do golpe na segurança alimentar

> SAIBA MAIS

 

O Deus chamado  desenvolvimento e a petroDependência

Marcelo Calazans, da FASE, faz uma análise sobre a petrodependência a partir da crise do diesel 

> SAIBA MAIS

 

Plataforma Dhesca mapeia violações cometidas em Suape

Missão visitou Pernambuco e identificou diversos tipos de violações de direitos humanos

> SAIBA MAIS

 

Em foco: Plano de Desenvolvimento do Rio de Janeiro

FASE compõe Fórum que irá monitorar o governo na implementação de políticas públicas

> SAIBA MAIS

 

Mães de Maio: "Por memória, verdade e justiça"

Franciele Campos e Valentina Carranza Weihmüller falam sobre a luta contra a violência do Estado

> SAIBA MAIS

 
 
Nós respeitamos a sua privacidade e somos contra o spam.
Se você não deseja mais receber nossos e-mails, cancele seu recebimento acessando aqui.