Problema com a visualização da mensagem? Clique aqui.

Edição nº 82                                                                                       30 de abril de 2020
 

Militares do governo engrossam nevoeiro

Em artigo, Aercio de Oliveira, coordenador da FASE no Rio de Janeiro, critica o plano de retomada da economia apresentado por militares. Ao anunciar o programa Pró-Brasil, o governo Bolsonaro aumenta a espessura do nevoeiro em que ele nos meteu. Depois de regurgitar sandices, radicalizar ideias obscurantistas, de atentar contra a vida de milhares de famílias e disseminar o ódio, de ardilosamente difundir desinformações e ignorar a relevância da ciência e do jornalismo de qualidade, militares do seu governo apresentaram o programa sem o testemunho público do ministro da economia Paulo Guedes - programa que mais parece um “plano de intenções”. O que o Pró-Brasil mostra é o avanço das privatizações e concessões do que ainda restou da era neoliberal inaugurada no Brasil pelo então presidente Collor de Melo

> SAIBA MAIS

Covid-19 e a crise petroleira

No dia da Terra, rede Oilwatch Latinoamérica defende que “é necessário uma trégua com a Terra”

> SAIBA MAIS

 

MP 910 pode ser votada na Câmara

Medida Provisória pretende anistiar crimes de invasão de terra pública e desmatamento ilegal 

> SAIBA MAIS

 

Novo atentado de Bolsonaro contra a democracia

Plataforma pela Reforma Política repudia posturas antidemocráticas do presidente

> SAIBA MAIS

 

Proposta de lei de saneamento é risco contra o povo

Alteração obriga municípios a repassar os serviços de água e esgoto às empresas privadas

> SAIBA MAIS

 

Movimentos sociais apresentam solução de R$ 1bi para alimentar população

Recursos devem ser utilizados para comprar 250 mil toneladas de alimentos da agricultura familiar

> SAIBA MAIS

 

Projeto de lei que garante distribuição de alimentos do PNAE é sancionado

PL 786/2020 autoriza a distribuição de alimentos para famílias dos estudantes da rede pública

> SAIBA MAIS



Acompanhe nossas redes sociais:

                              

Nós respeitamos a sua privacidade e somos contra o spam.
Se você não deseja mais receber nossos e-mails, cancele seu recebimento acessando aqui.